O Osso do Dinossauro

Literatura de aventura infanto-juvenil…

Proibido para quem não gosta de aventura!

SONY DSC

Para comprar: juliuscavalheiro@gmail.com

“Os papéis, sobre a mesa do agente Lemos, rodopiavam no ar e ele parecia não se importar… Não conseguia tirar os olhos daquela mulher ofegante que invadira sua sala. Era a professora… – As meninas sumiram! Sumiram! – A voz cansada e entrecortada, mostrava o quanto ela estava desesperada…”

Impressões sobre o livro…

Viviane

“Complicado dizer algo a respeito desde livro, mas seria válido dizer apenas que é SIMPLESMENTE SURPEENDENTE. Adoro livros, engraçado, nunca gostei de ler, hoje vivo rodeada por livros, nos últimos 3 anos adquiri 27 obras, O Osso do Dinossauro é minha ultima obra. Um livro escrito cuidadosamente, com linguagem simples, descrevendo um lugar incrível que é a Chapada dos Guimarães e trazendo à tona um pouco de sua história. O autor consegue transformar uma pequena travessura em uma grande aventura, prendendo o leitor do inicio ao fim. “O O Osso do Dinossauro” realmente consegue prender a atenção de qualquer pessoa, sem querer parar de ler, ansiosos em saber o desenrolar da aventura de nossas corajosas heroínas, Ana Manoela e Isadora.”

Mabylle Sousa

“’O Osso do Dinossauro’ a aventura e o suspense instigam a imaginação e fazem da leitura deste livro algo emocionante, capaz de prender a atenção já na primeira pagina.”

Ivanita Ignes

“Julius, já reinava em impérios Romanos a.C. Escrito por Shakespeare. Hoje, contador de aventuras…

Gostei muito do que li em “O Osso do Dinossauro”.
A principio Imaginei-o “a old man”, depois vi tratar-se de um quase menino.
Poeta menino. Amigo da Kelly, Pedro e Raquel… (fonte bibliográfica….o discreto e ás vezes útil Orkut)Um menino irriquieto, contador de causos, amante da natureza, livre para pensamentos, palavras, talvez atos…Em alguns momentos da trama, me vi em você, a muitos, muitos anos atrás, num tempo em que acreditava saber escrever, tinha uma imaginação inesgotável e uma ansiedade incontrolável de viver a vida.
Sempre que lemos uma história ou estória (sei lá), a impressão do autor é surreal, imaginativa e fantasiosa e, ai quando nos deparamos com alguém, tão igual, tão real. Que vive no quintal ao lado, nos faz ver que a coragem de expor nossas idéias, por mais inverossímeis ou bobas que possam parecer, pode ser a oportunidade de levar prazer e alegria de ler a muitos outros.
Sua leitura é leve e gostosa, seu vocabulário é simples e cativante. Tomara possas levar seu universo literário, mais efetivamente, às escolas e projetos maiores, dando a oportunidade a cada criança de sentir que a criatividade traduzida em cada palavra, tem como objeto expresso não só o gosto pela leitura, mas, principalmente o conhecimento da coisas e da região em que vivem.
Muito Boa Sorte Julius! Foi um prazer conhecê-lo. Vou recomendar a todas as amigas e amigos que tem filhos. É um ótimo presente…
Em tempo, quando fores lançar “O mistério do Museu do Morro da Caixa D água Velha” avise-me. “


O Osso do Dinossauro - Cabeca

Para comprar: juliuscavalheiro@gmail.com

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s